Ciclovia na Paulista

Na ultima quarta-feira (24/9), a Comissão de Política Urbana, Metropolitana e Meio Ambiente realizou uma audiência pública para debater a implantação de ciclovias e ciclofaixas que estão sendo implantadas na cidade pela prefeitura, em especial a planejada para a avenida Paulista. A audiência aconteceu às 20h, no Salão Nobre do Palácio Anchieta.

O projeto da ciclovia na Paulista prevê um espaço para os ciclistas no canteiro central. Entre a rua da Consolação e a rua Haddock Lobo, no sentido Paraíso, ela será implantada na via, eliminando assim uma faixa de carros. Já no trecho que vai da Haddock até a praça Oswaldo Cruz, o canteiro seria alargado de 3,5 m a 4 m.

A proposta gerou críticas de alguns parlamentares, como Andrea Matarazzo (PSDB), que acredita que a alteração pode “descaracterizar” a avenida. Já o prefeito Fernando Haddad afirmou no lançamento do projeto que ele “vai dar uma cara nova para a Paulista. Vai representar um ganho do ponto de vista visual. A paisagem da cidade muda para melhor.”

http://www.nossasaopaulo.org.br/agenda-cidada/ciclovia-na-paulista-sera-discutida-em-audiencia-publica

Em São Bernardo, não havia uma boca que dissesse que isso não daria certo… pois bem, tanto deu que melhorou, retirando arvores que não são nativas e que pelo seu crescimento rápido de raízes na vertical(Fícus), estouram os pavimentos… Hoje quem estoura e não conserta é apenas a SABESP

Porém as ciclovias devem ser construídas e ter manutenção e ser fiscalizada pelos usuários e pedir para que os pedestres não circulem por ela, afinal nós, ciclistas temos mais educação que os automotores e não atropelaríamos um pedestre, mas para tudo existe um limite, pois se existem calçadas de um lado e do outro, porque então circular pela ciclovia?

 

Foto-0049

ciclovias de São Bernardo pedem manutenção…

Algumas já deram acidentes devido aos pedestres e, os pedestres querem porque querem usar a ciclovia… como fica?

uma das lombadas no início, em 2012

uma das lombadas no início, em 2012

Publicado em Bernô Bikers, bicicletários, bike anjo, Bike Gost, ciclovia, Despreparo da GCM, Escola de bicicleteiro, Esportes, Estádios, Ferrarezi, Giovanni Breda, lesmas lerdas, Massa Crítica, massa crítica abc, MOBILIDADE, Rota Marcia Prado, são bernardo do campo, Urban Velo SBC | Deixe um comentário

Um dos vídeos na descida do Berno Bikers para Santos

Que pena, o tempo não ajudou a ida dos bikers à cidade de Embu das Artes e acredito que o pessoal que iria para a cidade de Nossa Senhora de Aparecida não foi também… mas não irá faltar oportunidades, estejam certos disso!

Na manifestação em São Bernardo pela Billings junto com o Virgílio, eu não sei bem como foi, pois disseram que se houvesse chuva e houve, ficaria para mais tarde, mas o tempo estava meio estranho e imprevisível, assim esperando por um tempo bom, acho que deixamos a manifestação para a próxima pedalada.

Vejam o video das lindas e belas coisas que existe na Estrada Velha de Manutenção da Imigrantes

Temos mais algumas coisas para vocês, algumas fotos tiradas

 

10625078_796167443738102_6308741581419908217_n

Estamos pertinho para entrar na Imigrantes

 

10646690_796165243738322_5965325403875729503_n

Este teve uma pedalada vivida, onde o capacete faz a diferença entre a vida e a morte… Ele teve sorte

Este Membro teve sorte, muita sorte mesmo! Conseguiu tombar, não machucou a bike dando para ele pedalar novamente, mas deve ter apanhado da esposa ao chegar em casa! (Risos)

Usem Capacete! 

Usar quando ir a uma pedalada e se a mulher for brava, podem usar também, proteção demais não é pouco! (risos)

 

10609435_10203620853614921_4054119731874162622_n

Quero ver o mundo que há fora dos vidros do carro, no carro tudo passa tão depressa que não observa o mundo de fora… Se ele é feio, não se esqueça que foi nós que estamos deixando assim! eu faço a minha parte

Em fim quando vamos a uma pedalada , vamos para curtir e ver coisas que os olhos não vê quando vc está dentro de um carro, parado no trânsito…

 

Continue no carro que eu continuo na bike… com certeza chegarei mais rápido que vc no trabalho… 

Publicado em Bernô Bikers, bike anjo, Bike Gost, Caminho do Sal, ciclovia, Esportes, Estádios, Eurico Marto Rodrigues, Ferrarezi, Instituto CicloBr, joão firmino, justin bikes, lesmas lerdas, Luiz Marinho, Massa Crítica, MOBILIDADE, morte, passeio em praças, Pereira Barreto SBC, pl 4800/12, PL n°48000/12 da CTB, Rafael Moratti, são bernardo do campo, skate, Urban Velo SBC | Deixe um comentário

Programação para o final de semana, no pedal!

Domingo temos duas bicicletadas, aliás três… mas com caminhos diferentes!

em 2013 a Billings estava assim, vamos ver como ela está no mesmo ponto!

em 2013 a Billings estava assim, vamos ver como ela está no mesmo ponto!

Temos a do ABC bike, do Paulicéia que irá para a cidade de Nossa Senhora de Aparecida, por volta de 120 Km…(trajeto para ciclistas com experiência no pedal)

Temos os Bernô Bikers de estrada, que irão para Embu das Artes, 110 Km de ida e volta(trajeto para ciclistas com experiência no pedal) junto com Ni Sbc

Temos o Berno Bikers, Manifestação no Riacho Grande juntamente com o grupo Primavera Poluída, por volta de 20 Km ida e volta, ajudando o meio ambiente a preservar nossa fauna e flora (trajeto para quaisquer ciclistas, desde que esteja com o capacete) Junto com Justin Bike Edmário

Em fim , temos uma programação boa no pedal, só falta escolher o canal rsrs

Lembramos que para todas as pedaladas, quer seja uma pedalada de crianças, de adultos, de ciclistas experientes ou de ciclistas iniciantes é necessário o capacete.

Ni SBC comentou a respeito e eu concordo plenamente. Tivemos um acidente que foi banal, mas poderia ser pior se aquele  membro não estivesse vestindo um capacete.

2222 007

Ninguém é tão bom ao ponto de dizer que não precisa de capacete. O capacete não atrapalha, não é feio, se for feio, tem modelos mil (escolha o teu) mas não dê sorte para o azar.

Eu mesmo já sofri vários acidentes e, em todos eles, o capacete fez a diferença entre a vida e a morte, e por isso, use capacete… eu não estaria escrevendo hoje se não houvesse colocado no passado!

Salve o Capacete!!!!!!!!!!!!!!

Mas Voltando a manifestação que eu participarei n o Domingo 

Conheço Virgílio a muito tempo, porém nunca  ao vivo e está aqui a chamada!

O ecologista Virgílio Farias, do MDV – Movimento em Defesa da Vida – está organizando a 2ª Marcha Primavera Poluída. Vai ser no dia 21 de setembro. A concentração será às 10h, na Praça do Acuri, Estrada do Alvarenga, São Paulo, Capital. E 11h, a marcha até a represa Billings, na Rua do Mar Paulista. Você que é uma pessoa preocupada com o meio ambiente tem este compromisso. Participe da 2ª Marcha Primavera Poluída, levando cartazes, faixas e bandeiras.

Os muitos descasos

Na realidade: Falta água e abunda esgoto e lixo nos mananciais e rios. Esta marcha quer lutar por leis que venham beneficiar os mananciais e denunciar os muitos descasos: “As águas dos mananciais da Billings são prioritárias para o abastecimento público da Grande São Paulo”, explica Farias. Virgílio aponta ainda que a “Lei de Resíduos Sólidos define prioridade de contratar cooperativas de catadores formadas por pessoas físicas de baixa renda para fazer a coleta seletiva de resíduos, todavia, Cetesb e prefeitos priorizam aprovar e contratam usinas de incineração para queimar lixo e poluir o ar e as águas”. Ele também denuncia que “Na conta da água, a Sabesp cobra pelo serviço de coleta, transporte e tratamento dos esgotos, porem lança os esgotos nos rios e represa Billings sem o devido tratamento – uma afronta ao artigo 208 da Constituição Estadual de 1989, bem como, afronta ao artigo 3º da Lei Federal de Saneamento Básico, n. 11.445 de 2007”. E que a “Cetesb usa dispositivo de Lei da Ditadura Militar (artigo 46 de Lei Estadual n. 1.817, de 1978) para autorizar empreendimentos poluidores, em detrimento ao direito que todos têm ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, direito assegurado no artigo 225 da Constituição Federal”. Finalizando cita que a “Cetesb e prefeito da capital, na contramão da recuperação dos mananciais previsto em leis estaduais, tem aprovado empreendimentos habitacionais”.

fonte: http://www.metalurgicoscsul.org.br/index.php/informativos/jornal-enfim/item/48-2-marcha-primavera-poluida-pela-billings

Eu estarei saindo da Área Verde(Praça Giovani Breda) com ciclistas por volta das 8:30h , a pedalada vai ser leve, moderada e com um bom propósito, podendo estar conosco todos que, como eu disse antes, esteja com CAPACETE.

Publicado em Bernô Bikers, bicicletários, bike anjo, Bike Gost, Buracos nas Ruas, Caminho do Sal, ciclovia, Consócio, Damas, Esportes, Eurico Marto Rodrigues, faixa de pedestre, Ferrarezi, Instituto CicloBr, justin bikes, Luiz Marinho, massa crítica abc, Massa Crítica Pacífica, MOBILIDADE, Pereira Barreto SBC, PL n°48000/12 da CTB, Rota Marcia Prado, são bernardo do campo, skate, Uncategorized, Urban Velo SBC | Deixe um comentário

Descendo a Serra com o Bernô Bikers

O Grupo Bernô Bikers, havia pouco tempo de começo, quando fez a primeira descida, no inverno, no frio mesmo e na garoa… sabia que em pouco tempo o Grupo entraria em outra, mas com surpresas, foi uma descida segura.

Os Bernô Bikers são cabeças pensantes, sabiam quais eram os temores dos ciclistas.

Na Área Verde

Na Área Verde

Descer em grupo seria ótimo se não houvessem os tais roubos e furtos de bikes que já presenciamos nestes últimos anos e, já que para ir de São Bernardo do Campo à Santos passamos por diversos municípios, mas o que escolhemos foi SBC, Rio Grande da Serra, Cubatão, Santos, os governantes não estão nem aí para dar uma mão… porém não tem a mínima importância, compramos nossa segurança, pra que temos a prefeitura? Para cobrar impostos, certo?

Neste passeio ciclístico turístico tivemos a oportunidade de mostrar para as pessoas que dizem que bike é perigoso, mostrando que bike é prazeroso. Vimos também que as águas ainda não estão lá grande  coisa, observamos que os lagos, rios perto da baixada estão sujos, que nossa flora está condenada…

2222 024

Mostramos o lado bom de passear de bike, porém vimos o lado ruim para quem não tem esta prática, arvores e plantas nativas em extinção, animais que não se vê a muito tempo. Talvez seja isso que o Governo e as Prefeituras querem esconder, o descaso.

muitos atrás

muitos atrás

muitos na frente

muitos na frente

Mas voltando ao passeio, que foi nota 10, teve um planejamento e organização fantástico, policiais com motos, um carro de apoio(onde havia água , banana e materiais se acaso uma bike não pudesse mais rodar ou, se alguém sofresse um acidente) tudo bem pensado.

De tão lindo, parece photoshop...

De tão lindo, parece photoshop…

Teve um indivíduo, que não sei o nome, porém estava acompanhando desde o início, na Área Verde, e, foi pego uma conversa estranha, pois o rapaz não saia do celular e indicava onde estavam os motoqueiros policiais, estranho e suspeito ele foi parado para uma conversa… ele era o único membro que não estava de capacete, e entrou do nada…

Os policiais fizeram sua parte e, sabendo dos locais que provavelmente haveriam problemas de segurança, a escolta funcionou com nota 10.

Também fiquei estupefato com tantos estilhaços de vidros no chão, alguns de garrafas, que furaram os pneus de 3 ciclistas em um trecho de 1km  e alguns estilhaços de vidros  de carros batidos… quem pedala observa.

O Bernô Bikers, assim como o Lesmas Lerdas e o Urban Velo BR são uma grande família, quando um para, todos param, tendo apoio de muitos bicicleteiros e veteranos da bike, tudo tem a possibilidade de rever a grande magia de querer pilotar a bicicleta com segurança e, o pior que pode acontecer é vc conhecer muitos amigos, que vão te apoiar em tudo.

Hoje deixei minha bike para dar uma revisada na Justin Bike. Revisar na hora de descer é importante e revisar depois é prevenir que problemas posteriores aconteçam, pois minha bike me leva todos os dias para o trampo, me trás e ainda tem tempo para um lazer gostoso com este em Santos (comer um pastel)

Parabéns aos organizadores, parabéns pelo trabalho executado pela escolta, parabéns para os ciclistas que pisaram no pedal e fizeram mais uma página em nossa história com alegrias e surpresas lindas.

Edmário de cor de abóbora  com a camiseta com os dizeres  "Um Carro a Menos"

Edmário de cor de abóbora com a camiseta com os dizeres “Um Carro a Menos”

Todos sabem que eu demorei para estar 100% para pilotar uma bike e, depois de estar pilotando, me furtam a bike… fiquei um bom tempo sem pilotar,mas  com a ajuda do Edmário, eu estou de volta!

Vão ter que me engolir!! rs

Vamos estar logo e em breve para comer um outro pastel, vale a pena!

Amigo James Prado  e Mozart

Amigo James Prado e Mozart

Publicado em Uncategorized | 1 comentário

Enxadristas do grupo A e B da Liga de Xadrez de São Bernardo do Campo, campeonato a vista!

Liga de Xadrez de São Bernardo do Campo

Liga de Xadrez de São Bernardo do Campo

 

 

Caríssimos(as),

 
Segue anexo o regulamento do 10º Torneio Interno da LXSBC – Categorias “A”  e “B”.
 
Os torneios ocorrerão simultaneamente nos dias 13 e 14 de setembro, na sede da LXSBC.
 
Inscrições abertas e gratuitas – mas leia o regulamento com atenção, pois há critérios técnicos para participar dos eventos.
 
Abs, boa semana, Ricardo Criez
 
vejam a chamada
 
 

10º Torneio Interno LXSBC 2014

Categorias “A” e “B”

 

REGULAMENTO

 

 

I – DO CAMPEONATO

 

O 10º Torneio Interno LXSBC 2014 Categorias “A” e “B”, organizado e dirigido pela LXSBC, com apoio da SESP, tem por objetivo incentivar a prática esportiva, aumentar a força de nossos jogadores e propiciar a confraternização dos enxadristas de São Bernardo do Campo.

 

II – DATA DE REALIZAÇÃO

 

            O Torneio será realizado nos dias 13 e 14 de setembro de 2014, de acordo com os seguintes horários:

 

1ª Rodada: 13/09/2014 – 10 horas

2ª Rodada: 13/09/2014 – 13 horas

3ª Rodada: 13/09/2014 – 15 horas

4ª Rodada: 14/09/2014 – 10 horas

5ª Rodada: 14/09/2014 – 13 horas

6ª Rodada: 14/09/2014 – 15 horas

        

 

II – DOS CLASSIFICADOS

 

            Estão classificados para a Categoria “A”.

  1. Todos os jogadores que para ela estejam previamente classificados por terem ingressado e se mantido na Categoria em anos anteriores, ou por terem obtido acesso via promoção da Categoria “B”.
  2. Jogadores não classificados que possuam RATING FIDE DE PELO MENOS 1800 PONTOS.

 

Estão classificados para a Categoria “B”.

  1. a) Todos os jogadores que para ela estejam previamente classificados por terem sido rebaixados da Categoria “A”, por terem ingressado e se mantido na Categoria “B” em anos anteriores ou por terem conseguido acesso via Categoria “C”.
  2. b) Jogadores não classificados que possuam RATING FIDE ATÉ 1799 PONTOS, sendo vedada a participação de jogadores não classificados que não possuam RATING FIDE.

Em casos especiais visando evitar claras distorções, a direção do torneio poderá classificar jogadores em categoria diversa a qual pertença.

 

 

III – DO SISTEMA DE DISPUTA

 

            O torneio será disputado em 6 (seis) rodadas pelo sistema suíço.

            O ritmo de jogo será de 60 minutos K.O.

            Será permitido Bye ausente até a 4ª Rodada com bônus de 0,5 (meio ponto).

            Os três primeiros receberão troféus e os demais colocados até o décimo lugar receberão medalhas.

            Na Categoria “B” os 20% (vinte por cento) melhores colocados, até o limite de 6 (seis) jogadores estarão classificados para a Categoria “A”.

            Os 20% (vinte por cento) piores colocados até o limite de 6 (seis) jogadores da Categoria “A” serão rebaixados para a Categoria “B” e os 20% (vinte por cento) piores colocados até o limite de 6 (seis) jogadores da Categoria “B” serão rebaixados para a Categoria “C”.

            Os critérios de desempate serão pela ordem milésimos totais, milésimos medianos e escore progressivo.

            Os jogadores que abandonarem o torneio sem justificativa estarão automaticamente rebaixados e não poderão participar do torneio em 2015.

 

 

IV – DAS INSCRIÇÕES

 

                        As inscrições são gratuitas e poderão ser realizadas até trinta minutos antes do inicio da 1ª rodada, após esse prazo o jogador ficará de bye ausente.

                        Devem ser realizadas na sede da LXSBC: Rua Olavo Bilac n.º 240, Centro, São Bernardo do Campo, SP ou pelos e-mails: lrbweb@hotmail.com, ricardocriez@hotmail.com ou batlove3004@hotmail.com

 

 

V – DOS CASOS OMISSOS

 

            Os casos omissos, técnicos ou disciplinares serão resolvidos pelo árbitro responsável

 

 

São Bernardo do Campo, 01 de Janeiro de 2014.

 

Boa Competição… abraços fraternais Mozart Faggi 

 

 

 

 

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Como poderia ser a visão de um diário de um Ciclista do ABC?

O Diário de uma ciclista paulistana me fez pensar o quão os problemas são idênticos , iguais a de muitos ciclistas, e digo, são as mesmas recomendações, as mesma batalhas, os mesmos portes de segurança e mesmo assim, somos em parte, considerado de uma classe que é ou seria perigosa a vida dele, ao do próximo…

Está certo que não existe muitos ciclistas pedalando por ai, na verdade a maioria dos cidadãos que moram em cidades como São Paulo, preferem os carros e transportes coletivos, por serem mais ágeis, confortáveis (uma gostosa ilusão)

10443362_789949347682366_3879452634467675853_n

Eu vou o meu serviço de bike, levo numa pedalada leve 25min, no mais tardar 40min, se eu pegar faróis fechados(eu respeito os faróis) em uma distância de 8Km… um ônibus, a partir que eu entre nele demorarei 30min, sem contar com o tempo que fico aguardando o ônibus por vir. E no entanto, ainda tem 800m a percorrer a pé e  bike é mais rápida nesse sentido.

O carro é complicado, além de gastar com gasolina, poluir o ar sofre o estresse do trânsito e ficam agressivos em sinais de parada obrigatória… a moto, no entanto é uma arma a pedestres desorientados que , só por estarem praticamente com os carros parados, os pedestres acham que podem passar pelo meio deles e é ai que surge uma vítima, a vítima  do descaso do pedestre em saber que alí, 20m tem uma faixa de pedestre, preferem passar pelo meio dos carros…

Não digo que os ciclistas estão certíssimos, longe de mim dizer isso, mas que os automotores e o pedestres erram bruscamente todos os dias, ahh isso o fazem todo o santo dia!

Sou ciclista, observo melhor a cidade, vejo buracos , pontos de possíveis colisões, vejo que uma arvore que estava naquele ponto, hoje não se encontra, vejo que uma estrada é boa e observo se uma ciclovia é realmente boa e se ela está sendo respeitada. Para se ter uma idéia, vejo mais cachorros com os donos na ciclovia do que bicicletas e isso não pode, vejo mais crianças nas ciclovia, a pé ou pessoas com fones de ouvido fazendo cooper, voltando da escola, do que bikes…. e diz a lei, “A ciclovia é de uso exclusivo de bikes, se a mesma não oferecer segurança, deve-se fazer uso das ruas”.

No caso em especial eu falo pela João Firmino em São Bernardo do Campo, não a uso por conter muitas pessoas andando, conter pessoas e pedestres e cães e mais, a velha correia nos cães… se um ciclista usa a ciclovia e depara derepente com correias, a coisa pode se tornar uma acidente, onde o animal se machuca, o ciclista se machuca, a pessoa que está segurando a correia se machuca. Nesta João Firmino, no Bairro Assunção, existem duas calçadas nas laterais de 2,5m cada uma, mas os pedestres sem consciência preferem a ciclovia, preferem se acidentar.

No meu diário eu poderia dizer que não me incomodo com inclinações, vou aos meus pontos de destino tranquilamente, o que me deixa furioso é carros entrando na minha frente sem pedir se quer permissão, sendo que eu estou na mão, estou correto e, pedestres que por vacilo colocam em risco crianças, atravessam  as ruas sem estar em faixa de pedestre e pior, sem estarem com sinal verde, bom para a travessia… os pedestres correm, e mal sabem que correm para a morte.

Na prefeitura já fui considerado como um herói do trânsito, fazer tudo correto e chegar onde devo sem gastar um tostão.

Hoje trabalho em um local que não tinha interesse em investir, porém minha ida e vinda, todos os dias de casa para o trabalho e vice versa, fez repensar que, um homem com quase 50 anos fazendo esta trajetória todos os dias, porque não um jovem possa adquirir este hábito saudável?

Em meu diário, escreveria também, aqui está um cara que conhece a cidade de onde vive, conhece os trajetos, os buracos, as pistas mal feitas, as praças lindas e as que foram lindas, mas faltam investimentos para sua manutenção.

Como vocês observam , não uso a bike apenas para o lazer, sendo que 70% dirão que é só para o lazer e 99,9% dentro da prefeitura dirão que é lazer… eu uso a bike para minha locomoção, uns 30Km no máximo, pois depois disso é lazer, é uma competição de você com seu corpo e sua bike tem que estar revisada.

Eu, sendo um das Escola Bike Anjo do ABC, insisto, a bike é o meio de transporte mais saudável que existe…

Publicado em Bernô Bikers, bike anjo, Bike Gost, Buracos nas Ruas, Caminho do Sal, ciclovia, Damas, Despreparo da GCM, Dia Sem Carro, ee kennidy, Eurico Marto Rodrigues, Ferrarezi, Giovanni Breda, Instituto CicloBr, justin bikes, Luiz Marinho, Massa Crítica, massa crítica abc, Massa Crítica Pacífica, MOBILIDADE, são bernardo do campo, Urban Velo SBC | Deixe um comentário

Uma enquete pro cês

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário